• Clau Gazel

12 dicas para andar de trem na França e da França para o resto da Europa


Os trens na França são uma mão na roda. Especialmente se você pretende se locomover dentro do próprio país ou a países vizinhos. A empresa responsável pela malha ferroviária francesa, SNCF, funciona hiper bem e seu site pra compras de passagens é ótimo. Os trens são confortáveis e bem conservados.Mas existem algumas coisas que  podem tornar sua viagem ainda mais agradável.

1. Para compras de passagens você pode usar o site www.voyages-sncf.com e pagar com seu cartão de crédito. Mas fique esperto, pois caso você não tenha comunicado alguma viagem internacional à administradora do cartão, ela pode detectar a compra como suspeita de fraude ou uso indevido do cartão e bloquear a utlização do mesmo. Portanto, fale antes com a administradora do cartão e evite problemas.

2. Caso você esteja na França tem a possibilidade de utilizar a rede de lojas da SNCF (consulte todos os endereços aqui).

3. Para entrega de passagens você pode indicar um endereço para recebê-las na  França ou então retirar a passagem em alguma das estações de trem. Fique esperto: nessa última opção é indispensável que apresente o passaporte e/ou o cartão que utilizou para fazer a compra.

4. Via de regra as passagens começam a ser vendidas com exatamente 3 meses de antecedência, exceto nas férias de Natal (as férias ocorrem na segunda quinzena de dezembro e as vendas começam ) e nas férias de verão (neste ano, a partir de 10 de maio as vendas estarão abertas até 03 de setembro). É bem verdade que há outras exceção, mas as regras são confusas e complexas. A melhor forma de saber a partir de quanto poderá comprar a passagem que deseja é se increver no site; assim você receberá um aviso por e-mail. Para se inscrever, acesse o site clicando aqui.

5. A chance de comprar uma passagem pelo preço mínimo oferecido é comprá-la assim que começam a ser vendidas, ou seja, com três meses de antecedência. Todo francês sabe disso e se programa para viajar. Assim, pode viajar sempre!

6. As passagens para crianças e idosos tem preços diferenciados. Por isso, indique a idade exata dos viajantes e beneficie-se dos descontos aplicáveis.

7. Se você tem enjoo, tontura ou mal-estar de viajar sentado de costas, saiba que em muitos trens você pode escolher sentar no sentido em que o trem andará. Se for comprar pela internet, basta marcar a opção  “Voyager dans le sens de la marche”.

8. Não exagere no tamanho da mala, pois você corre o risco de não ter onde colocá-la. Se for viajar de trem noturno, saiba que as malas devem caber debaixo da cama ou numa prateleira dentro da cabine. Isso significa que sua mala deve ser no máximo do tamanho “P”, ou seja, apenas um tamanho maior do que as malas de bordo.

9. Valide sua passagem nas máquinas existentes nas plataformas de embarque.

10. Se for pegar o Eurostar, não chegue encima da hora, pois é preciso passar pela imigração na Gare du Nord.

11. Se for fazer viagens mais longas e fazer refeições dentro do trem, fique esperto. Tão logo o trem saia, dirija-se ao restaurante e escolha o que vai comer. Caso contrário, além de enfrentar filas  você pode ficar apenas com os saquinhos de amendoins ou biscoitos doces! Isso mesmo: as coisas acabam! E o franceses também já sabem disso!

12. Uma boa opção é levar sua comida para garantir a viagem. É verdade que brasileiros não têm este costume, mas considere a opção e não vai se arrepender!

Bon Voyage!!!

#dicasdeParis #viajardetremnaFrança

0 views

©2019 by Paris na Veia. Proudly created with Wix.com