• Clau Gazel

Dicas práticas para fazer turismo no calor escaldante de Paris


sena 1

O verão em Paris pode ser muito bom. Mas é preciso saber aproveitar. Nos meses de julho e, especialmente, de agosto, os parisienses deixam a cidade e ela muda de cara. Muita coisa fecha. O calor chega a ser insuportável: muito quente e seco. Ontem os termômetros bateram 37 graus!  Por outro lado, a cidade fica tranquila, calma. Aqui seguem algumas dicas práticas para seu verão parisiense não se tornar uma roubada.

1. Confira as datas e horários de funcionamento de tudo, especialmente lojas e restaurantes pequenos – Há restaurantes que chegam a fechar o mês de agosto inteirinho. É melhor se programar para não dar com o nariz na porta. Entre no site, telefone, enfim, se informe.

2.Compre todos os ingressos com antecedência – Fila já é um inferno. No sol então, nem se fala. Programe-se e compre tudo pela internet. Todos os monumentos disponibilizam links para compra antecipada. Sites como FNAC e Digitick também são boas opções.

3. Prefira visitar museus no período da tarde –  O pico da temperatura não é ao meio-dia, e sim perto de 17h/18h. Assim, é possível fugir do calor escaldante e ainda aproveitar as inúmeras opções culturais da cidade.

4. Conheça a Paris Plage – Tem gente que gosta e tem gente que odeia. Eu diria que é especial e vale à pena espiar. Nem que seja para ficar mais pertinho do Sena ou tomar um chopp gelado. Ela fica localizada na margem direita do rio, entre a Pont des Arts e a Pont de Sully, ou então na Bassin de la Vilette, no Quai de la Loire.


plage 2

5. Prepare um piquenique ao anoitecer – Pique-niquer é, de fato, um verbo parisiense. Aqui tem o link para um matéria que escrevi (página 44 da Revista Rendez Vous en France – versão online), com dicas de lugares e também com apetrechos para seu piquenique ser um sucesso! Os parques não costumam fechar antes das 21h. Outra opção é correr para a beira do Sena. As pontinhas da Ile Saint-Louis são ótimas opções para ficar pertinho do rio. Embora lotado, não tem hora para acabar!

6. Veja e, se for o caso, aproveite os cursos de dança à beira do Sena – É uma animação só! Espia só este vídeo e saiba como tudo acontece.

7. Curta os peniches (barcos) à margem esquerda do Sena – Bem em frente à Bibliothèque Nationale de France e afastados do burburinho do centro, há  vários peniches (barcos que funcionam como bares) que ficam lotados. A maioria deles tem música. O La Dame de Canton tem DJ, pizzaria, vinho rosé gelado e uma programação de shows. O Nix Nox também é bem legal; chopp, mojito e DJ ao entardecer. E um segredinho: é cheio de franceses! Quai François Mauriac; funcionamento apenas na primavera e no verão. Desça na estação Quai de la Gare/linha 6.


la dame 2

8. Alugue uma Velib’ – Velib‘ é o sistema de transporte público de bicicletas de Paris e qualquer um pode locar uma magrela para sair andando pela cidade. Bem mais rápido e prático do que andar à pé neste calorão. E o melhor: você pode alugá-la pela internet, daí do Brasil mesmo. Neste post eu explico tudinho.

9. Conheça, aproveite e explore a região do Canal Saint-Martin – Esta é uma das áreas mais descoladas da cidade. Ficar à beira do canal é sempre mais refrescante e vale até colocar o pé na água (tem quem goste!). Neste post tem um guia completo do bairro!

10. Conheça e aproveite os bosques da cidade – Paris tem dois bosques lindos e cheios de sombra, o Bois de Boulogne  e oBois de Vincennes. Ambos são programas ideais para os dias de muito calor.

#dicasdeParis #modadeverãoemParis #verão2013emParis

0 views0 comments