• Clau Gazel

Le Cercle de l ‘Art Moderne: Musée du Luxembourg em Paris

O Cercle de l’At Moderne é uma associação que surgiu em 1906 no Havre (Normandia) no final do Séc. XIX, a partir da renião de um grupo de jovens colecionadores de arte da região: Olivier Senn (1864-1959), Charles-Auguste Marande (1858-1936), Georges Dussueil (1848-1926) Pieter Van der Velde (1848-1922) e Franz Edouard Lüthy (1847-1919). Aberta à produção artística de vanguarda, a jovem geração de colecionadores frequentava exposições e galerias em Paris, atrás de uma nova obra pós-impressionista ou mesmo fauvista. A associação passou a organizar  exposições, palestras, leituras de poesias, concertos. As obras dos maiores artistas do momento passaram a ser apresentadas pelo Cercle de l’Art Moderne: Monet, Renoir, Signac, Matisse, Derain, Van Dongen, Vlaminck, Manguin. O porto do Havre também passou a ser constantemente retratado nas obras dos pintores da época, entre elas Impression du Soleil Levant, de Monet (1872/1873). Pela primeira estas obras são reunidas e podem ser vistas no Musée du Luxembourg de Paris. O único ponto negativo: a exposição é enxuta demais e deixa o expectator com gostinho de quero mais. Mesmo assim, você não se arrependerá do que irá ver!

Alfred Sisley, La Seine au point du jour


Eugène Boudin, La Plage de Trouville, vue de Deauville ,1889


Camille Pissarro, L’Anse des pilotes et le brise-lame est, Le Havre, après-midi, temps ensoleillé , 1903


Anote:  Musée du Luxembourg, 19, Rue de Vaugirard, metrô Saint-Suplice (linha 4); 19.09.2012 a 06.01.2013; seg/dom. 10/19h30 (sex e seg. até 22h); ingressos: 12 euros.

#dicasdeParis

0 views0 comments