• Clau Gazel

Paris na onda do hambúrguer gourmet, para Go Where Gastronomia


 Claudia Gazel, para Go Where Gastronomia – abr/2013

Para download da matéria, clique aqui: Paris na Onda do hamburguer Gourmet


Foto: Le Chardenoux-des-prés

Quem disse que Paris não é lugar para comer hambúrguer? Agora, mais do que nunca, é. Na capital francesa, mais e mais restaurantes se especializam e, em alguns, ele é a única atração do cardápio. De fato, a França tem tudo para produzir o sanduíche mais popular e amado do mundo. Além de ser o país da Europa onde mais se consome carne vermelha, a França tem produção considerável de carne bovina de altíssima qualidade, queijos dos mais variados tipos e, lógico, pães de textura e qualidade incomparáveis. Com as combinações certas, o hambúrguer francês é uma verdadeira iguaria. Destacamos alguns

Por Claudia Gazel

Especialistas

BIG Fernand-Atelier du Hamburger

Num lugar pequeno e quase caótico, ao som de rockn’roll e em meio a muitos sorrisos dos animados atendentes, o pedido é feito no balcão. Mas apenas o jeito é de fast food; ali, o hambúrguer e os molhos são fait maison (feito em casa), os queijos são frescos. O cliente poder montar sua própria receita ou escolher entre cinco opções muito interessantes: Le Fernand – burguer de vaca, toma seco, queijo saint-nectaire; Le Philbert – burguer de frango, pimentão e estragão; Le Victor – burguer de vitela, queijo Fourme d’Ambert (queijo “bleu”), confi t de cebola; Alphonse – burguer de cordeiro, queijo tomme de Savoie, berinjelas grelhadas e molho de queijo de cabra; e Bartholomé – burguer de vaca, queijo raclette, confi t de cebola e molho barbecue. O tempero é de mestre, mas as fritas, infelizmente, deixam a desejar.

Informações

55, Rue du Faubourg-Poissonnière – 75009; seg/sáb 12/14h30 e 19h30/22h30;

tel. + 33 1 47 70 54 72; metrô Poissonnière, Bonne Nouvelle e Cadet;

www.bigfernand.com/fr

Blend

É o queridinho do momento quando o assunto é hambúrguer. A proposta: ingredientes frescos e de qualidade inquestionável, especialmente a carne preparada por um dos melhores bouchers (açougueiro) da cidade, Yves-Marie Le Bourdonnec, com quem a lanchonete fechou uma parceria para fornecimento com exclusividade de produtos de primeira linha. O hambúrguer é recomendado ao ponto, o que pode significar que chegue à mesa sangrando. O detalhe aparece no cardápio para alertar o cliente. No menu, são oito opções, incluindo receitas com frango e uma versão vegetariana. Troque as batatas fritas por batata doce frita, uma grata surpresa.

Informações

44, Rue D’Argout – 75002; seg/sáb. – 12/15h e 19h30/23h e dom. – 12/16h;

tel. + 33 1 40 26 84 57; metrô Sentier, linha 3;

www.blendhamburger.com

DE BISTRÔ

Le Chardenoux-des-prés

O charmoso e acolhedor bistrô de Cyril Lignac existe há dois anos no bairro de Saint-Germaindes- prés e ocupa o prédio de um antigo restaurante que era frequentado por políticos do bairro vizinho. Aberto de segunda a domingo, é sucesso absoluto, com mesas repletas praticamente durante toda a semana. Entre pratos tipicamente franceses, o hambúrguer é destaque no menu. Ele chega à mesa aberto e, de cara, já conquista com seu ovo de codorna frito, com gema mole, bem no topo do sanduíche. Além de estilo, o hambúrguer tem sabor: bacon bem crocante e carne saborosíssima. As fritas são fininhas e crocantes, perfeitas!

Informações

27, rue du Dragon – 75006; seg/dom 12h/14h30 e 19h/23h; tel. + 33 1 45 48 29 68;

Metrô Saint-Sulpice/linha 4;

www.restaurantlechardenouxdespres.com

Ferdi Restaurant

Nas prateleiras e nas paredes, os bonecos, os brinquedos e os retratos antigos dão personalidade ao local e tornam o restaurante Ferdi tão descontraído quanto seu variado cardápio, que mescla itens da cozinha francesa a pratos com o toque latino da chef e proprietária Alicia. Entre outras opções, você encontra tortilla, pão com tomate, camarões empanados com molho agridoce, ceviche, rolinhos de milho e carne, empanadas, steak tartare e o Mac Ferdi. O hambúrguer que leva o nome da casa é servido ao ponto com molho especial, feito com cebola caramelizada e maionese, um leve toque de picles. O pão é macio como poucos. Não deixe de pedir as fritas.

Informações

32, rue du Mont Thabor – 75001; sáb 12/16h e ter/sáb. 18h30/23h15;

tel. + 33 1 42 60 82 52; metrô Tuileries/linha 1.

Itinerante

Le Camion qui fume

Não é um restaurante nem uma lanchonete nos moldes tradicionais. O Camion qui fume é um caminhão/lanchonete itinerante e pode estar por toda – ou quase toda – a cidade. O pão macio leva manteiga e vai à chapa antes da montagem do sanduíche, detalhe que faz toda a diferença em termos de sabor e textura. A carne tem ponto perfeito, nem bem nem mal passado, e a escolha do molho fica a cargo do cliente. Queijo em pouca quantidade é outro cuidado, essencial para que ele não predomine. O bacon é estupidamente crocante. É essa combinação perfeita que tem levado os parisienses a aguardar até duas horas na fila. Além de fome, é preciso coragem e disposição para experimentar o magnífico hambúrguer. As fritas não valem as calorias.

Consulte o itinerário do caminhão no site: www.lecamionquifume.com

Com cara de NY

Schwartz Deli

Na lanchonete com estilo NYC e especialista em produtos judaicos, o cheeseburguer, enorme, leva queijo cheddar e vem acompanhado de pepino e salada coleslaw. As fritas são perfeitas! O cheese cake é a sobremesa mais famosa da casa. E acredite: você não está nos USA.

Informações

16, Rue des Ecouffes, seg/sex 12/15h e 19h30/23h; sáb 12/17h e 19/23h30 e dom 12/17h e 19/23h

tel. + 33 1 48 87 31 29; metrô Saint Paul/linha 1;

www.schwartzsdeli.fr

#burgeràParis #dicasdeParis #melhorhamburguerdeParis #ondecomerhamburgueremParis

0 views0 comments