• Clau Gazel

Canal Saint-Martin: c’est cool!!

Com a primavera e o calor chegando, o Canal Saint-Martin volta a ser um dos pontos mais agitados e cobiçados da cidade. Restaurantes, bares, lojas e, lógico, a beira do canal são atrativos numa das regiões mais descoladas de Paris. E não tem hora para andar por ali: no almoço, no jantar ou simplesmente para um aperitivo no fim do dia, é sempre uma delícia. Siga nossas dicas e divirta-se num dos meus bairros preferidos de Paris.





Para comer

Hôtel du Nord: com ótima comida, cardápio diversificado e ambiente super agradável, esse restaurante também é legal para um simples aperitivo na calçada, se você conseguir uma das poucas e disputadas mesas ao sol, lógico! No jantar, o ambiente à luz de velas é super aconchegante.  Dica: mil folhas de atum selado. 102, Quai de Jemmapes; 01 40 40 78 78; seg/dom.  12/15h e 20/24h (restaurante) e 9h/1h30 (café); almoço menu a aprox. 20 euros; à la carte aprox. 40 euros por pessoa.


L’Atmosphère:  cozinha simples e de qualidade. O cardápio também traz opções apetitosas e bem servidas como o filé com tagliateli em molho de foie gras e steak tartare. Dica: tem chop geladinho. 49, Rue Lucien Sampaix; 01 40 38 09 21; seg/dom para almoço e jantar; aprox. 20 euros por pessoa.

Madame Shawn: restaurante Thai  delicioso, com cardápio variado e preços bem acessíveis. Dica: Pad Thai Kung Sod – macarrão de arroz com legumes “crocantes” e camarões em ponto perfeito. 03, rue des Récollets; 01 42  38 07 37; seg/dom 12h/15h e 19h30/23h; aprox. 20 euros por pessoa.

Pink Flamingo: sente-se à beira do canal e, tomando seu vinho, espere sua pizza chegar. Basta ir até a pizzaria a pouco mais de 100 metros do canal, escolher sua pizza e deixar pago. Você receberá uma bexiga pink, nada discreta, como prova do seu pedido. Fique no canal com a bexiga à vista e o seu pedido será entregue! A pizza está longe de ser uma iguaria, mas, vale pelo programa! No cardápio tem cerveja artesanal. 67, rue Bichat; 01 42 02 31 70; ter/dom 19h/15h e 19h/23h; pizzas 10 a 16 euros.


Le Verre Volé: típico e bem conhecido, com boa comida de bistrô e carta de vinho bastante variada. O menu varia a cada dia. 67, Rue de Lancry; 01 48 03 17 34; seg/dom. 12h/14h30 e 19h/22h30; aprox. 25/30 euros por pessoa.

Le Petit Cambodge: um pouco mais afastado do canal e bem próximo ao Hospital Saint-Louis, este restaurante canbodjano não fecha nunca, é barato e a comida é uma delícia. Dica: Bobun com legumes e camarões (espécie de salada de macarrão fininho, com tempero azedinho, acompanhado de carmarão e legumes). 20, rue Alibert; 01 42 45 80 88; seg/dom. 12h/23h; aprox. 15 euros por pessoa.

Para beber

Chez Prune:  bar com decoração vintage e público descolado. Está sempre lotado, mas seja na calçada, dentro ou até mesmo encostado no balcão, sempre tem lugar para mais um. Chop, vinho, cerveja ou caipirinha, não importa. O que interessa é beber e conversar. À noite servem tábuas de frios e queijos. 36, Rue Beaurepaire;  seg/dom – 10/01h.


Para comprar

Artazart Design Bookstore: livraria incrível com livros de fotos, design, street art, origami e mais. Dá para passar uma tarde. 83, Quai de Valmy; 01 40 40 24 03; seg/sex 10h30/19h30; sáb 11/20h e dom 14h/20h.

Bensimon: loja francesa de roupas confortáveis e coloridas. Conhecida pelos tênis tipo ”conga” que são uma febre por aqui. Dá vontade de ter um de cada cor! 83, Quai de Valmy; não divulga horário de funcionamento.

Antoine et Lili : loja francesa de decoração e roupas. Cores, cores e mais cores, em especial nos divertidos artigos de decoração kitsch. 95, Quai de Valmy; 01 40 37 34 86; não divulga horário de funcionamento.

Para um café

Maison de l’Architecture: associação sem fins lucrativos que tem como objetivo promover debates, conferências, encontros, exposições e até viagens relacionados à arquitetura, à vida urbana e à outros tipos de artes que interfiram na arquitetura. O Café A, localizado no jardim, é ideal para um café no fim da tarde. 148, Rue Faubourg Saint-Martin; o café abre de seg./sex – 10/24h e sáb./dom. – 12/24h.

Para se jogar na grama

Jardin Vilemin: ao lado do L’Atmosphère, um gramado gostoso fazer piquenique, descansar e para esperar o pôr-do-sol.

Para se hospedar no maior estilo

Citizen Hotel: com design moderno e simples, são apenas 12 quartos, alguns deles com vista para o canal. O casamento não podia ser mais perfeito! E em cada quarto tem um mimo esperando por você: um Ipad para você se conectar à cidade luz. Calma! Quando você for embora, o Ipad fica! Diárias a partir de 175 euros.


Confira o mapa da região


Confira também nossos guias do Haut Marais e do Quartier de Montorgueil. Você vai gostar!

#CanalSaintMartin #dicasdeParis #ondecomernoCanalSaintMartin

0 views

©2019 by Paris na Veia. Proudly created with Wix.com